Com presença de coronel do exército brasileiro, Maduro comemora vitória de Dilma e manda recado para os EUA

4100

ATENÇÃO – O FATO É GRAVE E MERECE PROFUNDA REFLEXÃO

Diante da vitória de Dilma, Nicolás Maduro, sucessor de Chavéz na ditadura venezuelana, que vem cerceando todos os direitos e censurando todos os opositores de seu regime ditatorial socialista na Venezuela, demonstrou todo o seu contentamento com a vitória de sua ‘companheira’ Dilma nas eleições brasileiras.

O fato aconteceu com a presença de um coronel do exército brasileiro, que esteve acompanhando todo o discurso do líder ditador da Venezuela.

Segundo Maduro, esse é um grande passo para a consolidação da revolução da esquerda na América Latina.

Ao fim de seu discurso dígno de filme de terror, Maduro destacou:

O que acontecerá cada vez mais na América Latina é revolução, mudanças profundas, transformações verdadeiras, união da América Latina. Que o imperialismo norte-americano saiba disso. (…)

Comunismo/socialismo, ditadura, totalitarismo, censura à imprensa, à opinião, à liberdade de ir e vir –  esse é o governo ditatorial da Venezuela, encabeçado por Maduro, que comemorou a vitória de Dilma e a continuação da revolução nas Américas.

 

 Em sua página oficial no Facebook, o deputado Marco Feliciano destacou o discurso acima citado de Maduro e ALERTOU – “O Brasil e a nossa democracia correm um risco real”

Saiba mais sobre a ditadura Venezuelana
Guerra civil na Venezuela – O VIDEO CENSURADO
Venezuelanos fazem vídeo pra pedir ajuda ao mundo e mostrar o que de fato acontece no país
Venezuelana explica nos mínimos detalhes as atrocidades promovidas pelo governo de Maduro, enquanto o governo brasileiro apoia
Governo da Venezuela envia grupo ao Brasil para lecionar SOCIALISMO ao MST
Bolsonaro sobre decreto ditatorial de Dilma: “é uma passagem para Cuba sem escala na Venezuela”

Deixe seu comentário!