Atores globais fazem vídeo defendendo o aborto inconsequente e recebem enxurrada de críticas

0
4743

O que deveria, pelo menos conforme seus idealizadores, ser sucesso de audiência e aceitação, já que foi um vídeo feito com diversos globais famosos, na verdade foi um verdadeiro tiro no pé, tendo 90 % de deslikes no youtube.

O vídeo Meu “Corpo, Minhas Regras”, conta com diversas mulheres e homens famosos vestidos de mulheres defendendo o aborto inconsequente. Isso mesmo, em vez de apoiar e defender o uso de preservativos e métodos contraceptivos, eles resolveram defender o assassinato de fetos concebidos [aborto].

O vídeo foi publicado no youtube no dia 3 de novembro e já teve quase 550 mil acessos, mas o que chamou a atenção para a desaprovação social para o que defendem no vídeo foi a participação clicando no like ou dislike abaixo do vídeo. Das 66283 ações, apenas 7211 deram like no vídeo, sendo que 59072 deram deslike, mostrando que a sociedade não apoia o assassinato de vidas que nem sequer escolheram ser concebidas, mas, segundo o que defende o vídeo, não podem nem mesmo ter o direito resguardado de viver.

Veja o vídeo do canal Olmo e A Gaivota:

Além de defender o aborto, o vídeo questiona a passagem bíblica sobre Jesus ter sido concebido por uma virgem, afirmando que na verdade o texto bíblico que afirma que Maria era virgem quando deu a luz à Jesus Cristo não passa de um erro de tradução.

Deixe seu comentário!