Enquanto Brasil sofre com crise política e econômica, Dilma viaja pelo mundo

1987

Parecendo viver seus últimos suspeitos na presidência da República, Dilma se dedica a viagens pelo mundo, deixando o país a cargo de seus ministros num dos momentos mais delicados que a democracia brasileira já viveu, já que a crise política e financeira se aprofundam a cada dia.

Claudio Humberto, do Diário do Poder, comparou Dilma à rainha da Inglaterra  “decidida a se dedicar mais a agenda amena, tentando produzir fatos positivos, e a viagens internacionais.”

Segundo o colunista, Dilma percebeu, ainda que tarde, que ela é sua maior adversária dentro do governo.

Deixe seu comentário!