Gesto lindo de policiais em Cuiabá: Colegas de PM morto em troca de tiro arrecadam mais de R$7 mil pra velório e translado.

669

O soldado Kenedy Campos da Costa, de 25 anos, morreu após ser baleado ao trocar tiros com um sargento, que ele abordou achando ser um carro com ladrões. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e, também pela Corregedoria Geral da PM, que abriu um Inquérito Policial Militar (IPM).

Colegas de Farda e amigos do soldado arrecadaram mais de R$ 7 mil para translado e velório do corpo, pois a família de Kenedy é de Primavera do Leste, a 239 km de Cuiabá, onde ele trabalhava.

“Fizemos uma cotação para o funeral, a conta passaria de R$ 5 mil, entre translado e velório, além de pagar a funerária em Primavera do Leste. Fizemos uma campanha pela manhã [de domingo] e arrecadamos mais de R$ 7 mil. Ainda sobraram R$ 1,6 mil do que foi arrecadado”, afirmou o cabo ao G1.

Kenedy deixou uma filha de 5 anos. Ele entrou para a Polícia Militar de Mato Grosso em 2015 e tinha concluído o curso de formação em setembro de 2016. Os policiais pretendem fazer uma doação com o dinheiro que sobrou da arrecadação do soldado.

Fonte: G1 e FolhaMax.

 

VEJA TAMBÉM:

Filha de Lula: “Meu pai não vai ser preso”. Ela pretende cargo executivo na presidência em 2018

Padre suspeito de abusar de 5 crianças é preso após um dos meninos mandar mensagem pro pai

Jovem de 22 anos estuprada pelo pai e irmãos desde criança procura socorro médico

Alunos de Goiás inovam e churrasqueira é o mais novo ‘material escolar’. Entenda essa história

 

 

Deixe seu comentário!