Lula diz que reclamações de Marina sobre ataques do PT são porque ele não à escolheu como sua sucessora

1118

No ultimo sábado (13), Lula comentou reclamações de Marina sobre ataques do PT. Segundo Lula Marina está chateada por não ter sido escolhida por ele como sua sucessora em 2010.

Marina Silva, que iniciou sua caminhada política no PT, tendo sido afiliada ao Partido dos Trabalhadores por mais de 20 anos, foi inclusive ministra do meio ambiente do governo Lula, do qual pediu demissão em 2008.

“Se a companheira está chateada porque eu não escolhi ela, paciência. Agora, não vá chorar na imprensa dizendo que eu falei mal, porque eu nunca falei o nome dela em nenhum comício, a não ser aqui hoje”, disse Lula em Sapopemba, na zona leste de São Paulo, durante evento da campanha de Padilha ao governo de São Paulo.

Veja também:
Candidata à presidência do PSOL defende invasão de imóveis e elogia MTST
Construtoras envolvidas em esquemas de corrupção na Petrobras estão entre as maiores doadoras para campanha de Dilma
Caso do homossexual morto por seu parceiro após o sexo e tratado por Wyllys como ataque homofóbico
Vídeo em que professor aparece dançando FUNK com alunos ao som do Hino Nacional causa polêmica na web

“A dona Marina não precisa contar inverdades ao meu respeito para chorar. Chore por outra coisa que ela quiser chorar”

“Nunca falei mal da dona Marina e vou morrer sem falar mal da dona Marina. Ela é que tem que se explicar, porque ela nasceu, cresceu, ganhou todos os cargos no PT e falou mal do PT. Não sou eu que tenho que me explicar”, concluiu o ex-presidente, se referindo às críticas da candidata do PSB ao governo petista.

A Folha de S. Paulo, em editorial de sábado (13), disse que Marina chorou ao comentar ataques sofridos de seu ex-partido, dizendo que se sente injustiçada. Ela lembrou o que aconteceu com Lula em 1989, quando ele disputou a Presidência e perdeu para Fernando Collor de Mello, e chegou a se comparar ao petista. “Sofri muito com as mentiras que o Collor dizia naquela época contra o Lula.

A gente fazia de tudo para explicar que não era assim. Me vejo fazendo a mesma coisa agora”, disse Marina. Depois que virou uma ameaça à reeleição de Dilma, Marina tem sido alvo de ataques da campanha petista, que afirma que ela é sustentada por banqueiros. (Com Terra)

Veja também:
Em comício, Lula diz que se sente pai da nação brasileira
Senador Cristovan Buarque “rasgou a Constituição” e impediu a prisão de ativista pró-maconha
Escândalos que não tem fim – Renan e Vargas cobraram propina de doleiro para beneficiá-lo em contratos
A escola de Lula do “NÃO SEI DE NADA” revela novos adeptos no MENSALÃO DA PETROBRAS

Deixe seu comentário!