Mais uma agência de risco rebaixa nota do Brasil

1135

Dessa vez quem reduziu a nota do Brasil foi a agência Fitch, de BBB para BBB-. Além disso, em nota, a agência afirmou que a incerteza política pode custar caro ao país, adiando a retomada do crescimento.

A perspectiva é negativa, ou seja, o próximo movimento deve ser novamente de corte da nota. A agência afirmou que sua decisão reflete “o maior peso da dívida do governo”, os “elevados desafios fiscais” e a “piora do cenário de crescimento econômico”.

Na prática a nota indica uma perspectiva negativa para a economia brasileira, indicando que a próxima nota devera ser de novo rebaixamento, devido as condições políticas e financeiras do Brasil, que não devem melhorar a curto prazo.Um novo corte levaria o país ao “grau especulativo”, o que tende a elevar os custos de financiamento para o governo e para as empresas locais e reduzir o fluxo de entrada de dólares no país, deixando a moeda ainda mais cara. Grau este que o Brasil já perdeu em análise de outra conceituada Agência de Risco. Veja detalhes: Brasil perde grau de confiabilidade e é decretado “mau pagador” por agencia internacional

Com informações (Com informações de UOL, via FCS)

Deixe seu comentário!