Na Etiópia, homens gordos são reverenciados como heróis

2586

Ser gordinho no resto do mundo pode não ser o melhor cartão de visitas para ser admirado, mas isso passa longe da tribo Me´en da Etiópia. Lá, os homens são louvados como grandes heróis pelo mero fato de terem uma barriga avantajada.

Segundo o fotógrafo Eric Lafforgue, do Daily Mail, que registrou um pouco da cultura dos Me´ens, “toda criança tem o sonho de ser um dos homens gordos”.

Eles têm um costume chamado cerimônia do Ka’el, que acontece em junho, e onde cada família deve indicar, seis meses antes, um homem solteiro para ingressar no concurso que elege o mais gordo da tribo. Nas semanas e meses antes da eleição, o candidato passa por uma dieta de engorda, com um ingrediente “especial”: sangue e leite de vaca, com o intuito de deixar o membro da tribo ainda mais rechonchudo.

Por ser uma região de temperatura elevada, os participantes têm que consumir rapidamente cerca de 2 litros da mistura de leite e sangue antes que o produto fique sólido. O candidato fica isolado e sem relações sexuais até a data da cerimônia, mas todos os alimentos são levados por mulheres da tribo.

Os homens gordos bebem leite e sangue o dia inteiro. Alguns ficam tão gordos que não conseguem nem andar mais”, disse o fotógrafo em outro trecho da entrevista.

article-0-1919AA5000000578-181_964x682

article-2480870-1919A90D00000578-420_964x680

article-2480870-1919A71200000578-858_964x681

article-2480870-1919A72600000578-599_964x682

 

 

article-2480870-1919AC7E00000578-25_964x681

article-2480870-1919ACDE00000578-524_964x675

 

 

article-2480870-1919AD5600000578-790_470x669

article-2480870-1919EB4900000578-893_470x668

article-2480870-1919EB6800000578-990_470x668

Todas as fotos © Eric Lafforgue

Informações: hypeness

 

Deixe seu comentário!