Na mamata do Poder – STJ gasta R$ 1,2 milhão com compra de poltronas para ministros

1589

Isso mesmo, R$ 1,2 milhão. A aquisição é de 230 cadeiras giratórias, com braços, espaldar alto e encosto em tela CM3 por R$ 1,2 milhão. Elas serão usadas na sala de julgamento.

As informações são do instituto Contas Abertas, que da alguns detalhes sobre a aquisição: ‘As chiques cadeiras são da marca Herman Muller/Aeron e tem garantia de 12 anos. Assentos da marca já foram eleitos como o Design da Década pelo “Best in Business Award”. Além disso, a marca chama a atenção por ter uma das cadeiras de escritório mais procuradas do mundo’.

Enquanto o Brasil vai entrando num poço seco, com recessão mais que visível, queda drástica do consumo, desemprego, bolha imobiliária prestes a estourar um dos tribunais mais importantes do judiciário brasileiro se da ao luxo de gastar uma verdadeira fortuna para que os ministros fiquem confortavelmente sentados.

Brasil, um país de contrastes ao extremo.

Veja também:
Mulher do maior FICHA-SUJA do Brasil pode ser nova conselheira do Tribunal de Contas de MT
Voto para presidencia da república custou ao PT 164% a mais de 2010 para 2014
Governos Lula e Dilma distribuíram mais de R$ 11 bilhões para empresas envolvidas na operação Lava-Jato

Deixe seu comentário!