O ‘Monstro’ Polícia Militar construído pela mídia esquerdista do Brasil

395

Hoje saiu na Globo News mais uma “brilhante” matéria sobre os ‘mortais’ policiais do Brasil, fizeram questão de deixar claro que o levantamento foi “exclusivo” da emissora.

Mais de cinco mil pessoas foram mortas por policiais em SP nos últimos 10 anos

A frase em destaque é o título da mais nova matéria da Globo News, emissora de notícias da Globo. Apenas mais uma para a coleção de tentativas baixas de destruir a imagem e criminalizar as polícias do país.

Hoje 10/07/2017, mesmo dia desta matéria, um PM morreu após ser alvejado por bandidos fortemente armados, que tinham acabado de roubar um banco numa cidade mineira. Esse herói morto, foi apenas mais um ignorado pela mídia, afinal de contas exaltar heróis não dá ibope, não é? Ele viveu e morreu tentando resolver problemas que não eram dele. É isso que a polícia faz. Mas pra imprensa, como esta, são bandidos que matam milhares de “pessoas”.

Alguém aí se lembra do grande jornalista que é uma espécie de “professor” do programa “Profissão Repórter” da Globo. Este mesmo jornalista foi autor de um livro em que criticou severamente a polícia, mas recententemente, quando cobria um protesto e foi atacado por outras “pessoas” que alí estavam, sabe quem o salvou das mãos destes? Ora vejam só, foram policiais, os mesmos monstros relatados no livro deste cidadão.

Relembre esse caso: Caco Barcelos, que escreveu um livro criticando a polícia, foi salvo ontem por ela

Você acha que ele exaltou a polícia que o salvara? Não. Acha que escreveu outro livro contando outra história? Não. Simplesmente seguiu sua vida, enquanto os heróis retornaram para o meio do conflito que ocorria naquela manifestação, para mais uma vez, como rotineiramente o fazem, resolverem problemas que não são seus.

Enquanto bandidos são transformados em “coitadinhos” e os tais “direitos humanos” são cada vez mais direcionados a estes, por outro lado, policiais são cada vez mais marginalizados. É triste. É real. É o fim do Brasil.

No programa Encontro, quiseram saber quem as pessoas salvariam um policial ou um traficante ferido. Escolheram o traficante

Sem salário, mãe de PM morto precisou de ajuda para poder enterrar o filho ◄ DIREITOS HUMANOS?

Deixe seu comentário!