Lava Jato começa a se aproximar de Dilma

0
808

A ex-presidente Dilma Rousseff, pode começar a ter novas companhias, pois a Operação Lava Jato pode estar próxima de acusar Dilma Rousseff de corrupção pela compra da Refinaria de Pasadena pela Petrobras.

Presidente do Conselho de Administração da estatal, a petista participou da autorização do negócio. A Lava Jato aponta que a presidente cassada tinha conhecimento de irregularidades que envolveram a compra.

Segundo alega um dos investigadores do caso afirma que as alegações apresentadas pela petista “não param de pé”, ou seja não tem argumentos convicentes para ganhar. De acordo com a alegação por parte da petista ele havia votado a favor da compra da refinaria porque recebeu “informações incompletas” sobre o contrato.

A compra de Pasadena gerou prejuízo de US$ 792,3 milhões aos cofres públicos e é considerado o pior da história da Petrobrás.

com informações: Diário do Poder

Veja também:

O PT acusou Moro de golpista, Moro mandou prender o cara que deu início ao Impeachment de Dilma. E agora? 

Ministro do STF extingue pena de Dirceu no Mensalão com base em decreto de Dilma

18 ex-ministros do primeiro escalão dos pestistas (lula e dilma) são acusados

A opinião é que Lava Jato vire “ÓRGÃO PERMANENTE”

De acordo com Sergio Moro não tem prazo para acabar a operação Lava Jato

Deixe seu comentário!