Presidente do PT, Gleisi Hoffmann é indiciada por lavagem de dinheiro e corrupção

274

A senadora Gleisi Hoffmann,  a atual presidente do PT, é alvo de uma investigação desde de 2016 para apurar irregularidades na campanha eleitoral de 2014.

O processo que tramita em segredo de justiça no STF, teve o relatório de conclusão anunciado, que atribuem a senadora a prática dos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

A investigação remonta a fevereiro de 2016, quando a PF apreendeu documentos na residência de Maria Lúcia Tavares, secretária do setor de operações estruturadas da Odebrecht.

Fonte: Estadão e O Globo.

 

VEJA TAMBÉM:

Durante cirurgia, médicos encontram 37 lentes em olho de idosa

Filho flagra estupro da própria mãe e quebra o braço do criminoso

Lula diz que Bolsonaro não possui méritos e é o ódio despejado na política pela Rede Globo

Em Copacabana, refugiado sírio é o chamado de “homem-bomba” e acusado de ‘esquartejar crianças’

Deixe seu comentário!