São Paulo poderá ter lugar “apropriado” pra quem quiser usar drogas

348

O governo municipal e estadual de São Paulo estuda formas para que no futuro possa haver áreas reservadas para consumo de droga. Tal estudo se dá após algumas tentativas um tanto quanto frustradas de retirar dependentes químicos das ruas e praças da capital paulista.

Após a operação realizada na Praça Princesa Isabel, o psiquiatra Artur Guerra, que é coordenador do programa Redenção, declarou que: “Hoje disponibilizamos 150 lugares em contêineres e mais 120 lugares em abrigos para que os usuários possam passar a noite e tomar uma canja. Esses não são obrigados a se tratar, se quiserem podem chegar lá drogados, o que ainda não dá é para usar drogas no local. Mas quem sabe, no futuro, passe a poder.”

Fonte: Notícias UOL e Veja.

 

VEJA TAMBÉM:

O funk pode virar crime! Proposta para criminalização do ritmo chega ao senado

Escola sem partido? Menina defende o capitalismo na prova, de forma sensacional e, tem questão anulada por não responder de acordo com a ‘doutrinação’ escolar

E no país do vitimismo, ibope baixo de Maju no JH é culpa do racismo no Brasil

ALERTA! Site lista, sem autorização, seus dados pessoais, endereço e celular na internet

Professora antifeminista é enxotada de faculdade com gritos ofensivos pelos mesmos que se dizem “tolerantes” e “brigam” pelo direito da mulher

Deixe seu comentário!