PF recusa pedido de Garotinho para trocar de hospital

0
755

Anthony Garotinho é ex governador no estado do Rio de Janeiro, ele foi preso nesta quarta (16) pela Polícia Federal do Rio de Janeiro, esta passando mal e por conta disso Garotinho pediu transferência para o hospital particular, Unimed, localizado na Barra da Tijuca, é nesse hospital que Garotinho faz tratamento cardíaco, todavia segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a Polícia Federal negou o pedido, mesmo após a prefeitura ter dado autorização para a transferência.

Por conta da negação da PF Garotinho irá continuar internado na unidade do município. Para justificar a requisição de mudança de local, ele apresentou um laudo assinado por um médico particular, que não é um documento oficial do Souza Aguiar. O ex-presidente do Rio passou mal depois de ser preso, acusado de fraude na eleição municipal em Campos dos Goytacazes, no norte do estado, onde é secretário de governo.

Garotinho foi preso no apartamento dele, no bairro do Flamengo, na Zona Sul do Rio. O ex-governador é um dos investigados na Operação Chequinho, que apura o uso do programa social Cheque Cidadão para a compra de votos na cidade de Campos, onde a mulher dele, Rosinha Matheus, é prefeita.

A ministra Luciana Lóssio, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou na noite desta quarta um pedido de liberdade enviado pela defesa do ex-governador do Rio. conforme as investigações, em troca de votos, eleitores eram inscritos no programa que dá R$ 200 por mês a famílias de baixa renda. Os advogados do ex-governador negam as acusações e dizem que a prisão foi ilegal.

O ex-governador Anthony Garotinho governou o estado do Rio de Janeiro no mandato de, 1998 à 2002, nesse período ele concorreu para presidência. Rosinha Garotinho que é esposa de Garotinho foi eleita governadora do estado, logo ele foi secretário de Segurança de seu governo e no decorrer desse período, uma série de denúncias de crimes eleitorais e comuns recaíram sobre o casal.

Com informações: G1 

VEJA TAMBÉM:

Istoé: Marcos Valério diz a Moro que Lula, Dirceu e Carvalho foram ‘chantageados’

Polícia desarticula esquema de prostituição infantil criado para as Olimpíadas do Rio

Traficantes vendem ‘cocaína olímpica’ no Rio

Governo camuflou criminalidade no Rio com multidão de militares para proteger gringos

Com falta de materiais básicos, delegacias recebem apoio de empresários no Rio

 

Deixe seu comentário!